Seju e CBM debatem sobre o Brasileiro de Motocross em Palmas

0
503

Representantes da Confederação Brasileira de Motociclismo (CBM) estão em Palmas, para visita técnica do local que sediará a 4ª etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross. A previsão é receber pilotos de várias partes da América Latina, nos dias 17 a 19 de maio, na estrutura do Parque Sussuapara. Em encontro realizado nesta quarta-feira, 10, na Secretaria de Estado dos Esportes e Juventude (Seju), membros do Governo do Tocantins e da entidade nacional debateram a importância do evento para o cenário econômico, turístico e esportivo.

O secretário de Estado dos Esportes e Juventude, Elenil da Penha, reforçou a importância do evento para a economia do Tocantins. “Os hotéis e restaurantes de Palmas e região estarão movimentados para receber esses pilotos de todo o Brasil e de outros países. É um evento de porte internacional e vai fortalecer o nosso esporte, o turismo e a nossa economia”, frisou.

Wesley Paquito, 2º vice-presidente da Federação Brasileira de Motociclismo, reforçou o convite para que os tocantinenses possam acompanhar o evento nacional. “Vamos reunir mais de 600 pilotos de 12 nacionalidades diferentes. Estamos trazendo esse presente para a região e para Palmas. Queremos contar com a presença de todos”, pontuou.

O presidente da Federação de Motociclismo do Tocantins (FMT), Mauricio da Silva, destacou a movimentação que será proporcionada pelo evento. “Vamos abrir oficialmente o Estadual de Motocross dentro da quarta etapa do Brasileiro. Receberemos as principais marcas nacionais e com entrada franca. A expectativa de público é 80 mil pessoas nos quatro dias do evento, se locomovendo dentro da estrutura, além das pessoas que acompanharão pela internet”, disse.

A quarta etapa do Campeonato Brasileiro receberá pilotos nas Classes MX1, MX2, MX3, MXF, MX2JR, YZ125, MXJR, 65CC e 50CC. Governo do Tocantins e Confederação Brasileira de Motociclismo debatem a importância da realização de campeonato nacional em Palmas para o fortalecimento da economia do Estado (www.to.gov.br)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui