Rivalidade marca final Gaúcha entre Juventude x Internacional

0
159

Uma peleia das fortes, bem no estilo do futebol gaúcho, começa a decidir neste domingo quem manda no futebol do Rio Grande do Sul. Uma boa dose de rivalidade e até de raiva estará em campo no Alfredo Jaconi a partir das 16 horas, para o primeiro jogo da decisão do Campeonato Gaúcho, entre Juventude e Internacional. O duelo de volta é no outro domingo, no Beira-Rio.


Rivalidade
Mais do que uma simples vitória, estará em campo boa parte do orgulho para os jogadores envolvidos na decisão, especialmente os do Inter. Os colorados não toleram mais perder para o Juventude. Querem rasgar a touca, do mesmo modo que fizeram com o Paraná, outra costumeira pedra no sapato dos vermelhos.


O Inter teve apenas três derrotas em toda a temporada. Duas delas foram para o Ju – uma no Beira-Rio, outra em Caxias do Sul. A segunda foi feia, por 3 a 0, e fez o volante Magrão dizer com todas as letras.


– Não reencontraremos esse time no Brasileirão, porque eles não são mais da primeira divisão, mas pode ter um reencontro no Gauchão ou na Copa do Brasil. Espero que aconteça.


Pois aconteceu. O Juventude cresceu com Zetti e despachou Grêmio e Inter de Santa Maria. A classificação alviverde só fez aumentar o respeito colorado pela turma da Serra.


Ficha do jogo
Juventude   
Michel Alves
Hélder
Márcio Alemão
Nunes
Elvis
Juan Perez
Lauro
Renan
Leandro Cruz
Ivo
Mendes
Técnico: Zetti


Internacional
Clemer
Índio
Sidnei
Marcão
Bustos
Orozco
Magrão
Andrezinho
Ji-Paraná (ou Alex)
Nilmar
Fernandão
Técnico: Abel Braga
Local: Estádio: Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS)
Data: 27/04/2008
Árbitro:
Leonardo Gaciba da Silva
Auxiliares: Marcelo Bertanha Barison e Paulo Ricardo Conceição


 


(Fonte: Globo.com)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui