Equipe PJC vence 1ª etapa do Tocantinense de Judô 2017 e mantém invencibilidade no estado

Pódio das equipes na primeira etapa do Estadual de Judô – Foto – Divulgação

Após um 2016 impecável, alcançando o título estadual invicto após a disputa de sete etapas no Campeonato Tocantinense de Judô, a equipe Palmas Judô Clube (PJC) manteve-se focada e, neste último sábado, 18, no Colégio de Polícia Militar de Palmas também conquistou a primeira etapa da temporada 2017 no estado, conservando a invencibilidade no cenário tocantinense. Para chegar à vitória a PJC acumulou 27 medalhas de ouro, 15 de prata e 6 de bronze; na segunda colocação ficou o estreante Colégio Militar dos Bombeiros (13; 9; 10), seguido do Sesc (11; 9; 4), Judô Araguaína/Aocam (8 ouros e 6 bronzes), AD Guerra/Sesi (7; 5; 2), Kodokan Paraíso (6; 1; 1) e Dom Bosco (1; 1; 1).

Líder da PJC, o faixa preta 5º Dan Celso Galdino vibrou com a realização da equipe. “Esta nova vitória é muito importante porque mostra que conseguimos fazer com que os nossos atletas mantivessem o foco mesmo após o término do último período competitivo. Nós entramos na etapa com a equipe quase completa, inclusive com alunos novos que estão tendo a primeira experiência como competidores, tanto que alguns venceram e outros não, mas todos estão vivenciando esta participação em uma competição, o que vai levá-los ao aprimoramento. Estamos bem felizes porque seguimos invictos e já saímos na frente na disputa do título de campeão estadual de 2017”, ressaltou o Sensei Celso.

Ainda de acordo com o Celso Galdino, a primeira etapa do estadual teve um bom número de participantes, e que este deve aumentar para a próxima, prevista para março. “Para os padrões do estado, nós tivemos um grande número de inscritos para uma primeira etapa, que, normalmente, é mais esvaziada. Ao todo, foram 150 participantes, o que nos deixou satisfeitos, porque quanto mais fortes chegam as equipes, mais todos os atletas do estado se aprimoram, e este é o nosso grande objetivo. Para a segunda etapa, prevista para o dia 25 de março, no Colégio Ulbra, conforme prevíamos com a nossa parceria com esta unidade de ensino, esperamos ao menos 200 inscritos; o judô do Tocantins vai ganhar muito com isto”, afirmou o Sensei.

Curso de arbitragem

Nos dias 17 e 18, o kodansha 6º Dan Leonardo Stacciarini, árbitro da categoria A da Federação Internacional de Judô (FIJ), ministrou o curso de atualização das regras para o ciclo olímpico Tóquio 2020. O faixa coral [vermelha e branca] também participou da equipe técnica de arbitragem da primeira etapa do Tocantinense de Judô, uma realização da Federação de Judô do Estado do Tocantins (Fejet). [Ascom Total / Fotos: Arquivo PJC]Especial para o Alôesporte)